15 de dezembro de 2017

 

SINDHOSP/SL REALIZA SEMINÁRIO SOBRE REFORMA TRABALHISTA

O Sindicato dos Estabelecimentos Prestadores de Serviços de Saúde de São Luís (SINDHOSP/SL) e a Confederação Nacional de Serviços de Saúde (CNS) realizaram na última terça-feira (12), um seminário sobre a reforma trabalhista.

O evento foi dirigido a empresas associadas e não associadas ao Sindicato, que estiveram representadas por gestores, assessores jurídicos e profissionais de recursos humanos, que receberam orientações e esclarecimentos quanto às principais mudanças trazidas pela PLC 38/2017, conhecida como "Reforma Trabalhista" que modificou a CLT (Consolidação das Leis Trabalhistas) e vai proporcionar uma nova dinâmica na relação trabalhista.

O presidente do SINDHOSP/SL, Pedro Wanderley de Aragão, que fez a abertura oficial do evento lembrou que “o tema é de grande impacto para os estabelecimentos de saúde que vão precisar se adaptar à nova lei e também aproveitar as oportunidades surgidas a partir dessa nova configuração no mercado de trabalho brasileiro”.

O primeiro palestrante foi o Coordenador Jurídico da CNS, Alexandre Zanetti, que pontuou alguns aspectos específicos das mudanças na legislação trabalhista no setor saúde. Ele ressaltou que não há perda de direitos dos trabalhadores e recomendou que as empresas fiquem atentas à aplicação da lei, destacando aspectos como jornada de trabalho e negociação.

O juiz do Trabalho do TRT (16ª Região), Paulo Mont’alverne Frota também abordou as mudanças, dando ênfase aos aspectos da segurança jurídica.

A Assessora Jurídica do SINDHOSP/SL, Ana Amélia Dino fez um panorama das novas feições das relações de trabalho, destacando a importância crescente da representatividade das entidades.