19 de maio de 2017

CNS realiza reunião sobre Segurança e Saúde no Trabalho, o evento reuniu dirigentes e técnicos do setor saúde

 

A Confederação Nacional de Saúde – CNS com o apoio da FEHOESP realizou no dia 19 de maio em São Paulo, a primeira reunião empresarial sobre Segurança e Saúde no Trabalho (SST) no Setor de Saúde, que contou com mais de 30 participantes de pequenos, médios e grandes Hospitais do estado de São Paulo.

A abertura  foi realizada pelo Dr. Alexandre Zanetti, Coordenador da Assessoria Jurídica da CNS, que abertura abordou a importância do tema  para o setor saúde e apresentou o Dr. Clovis Queiroz, Assessor de SST da CNS, como a pessoa responsável por acompanhar e elaborar toda a agenda dessa temática dentro da entidade nacional.

Em sua apresentação, o Dr. Clovis Queiroz, abordou a estrutura da recém criada Assessoria de Segurança e Saúde no Trabalho, com o indicativo dos seus objetivos e projetos que já se encontram em andamento. Também apresentou os dados estatísticos das ações fiscais do Ministério do Trabalho nos últimos cinco anos no segmento, e por fim, as ações de fiscalização em curso ou planejadas pelo Ministério do Trabalho e  Ministério Público do Trabalho no setor de saúde.

Outro tema apresentado foi a Segurança e Saúde no Trabalho no eSocial aplicada ao segmento Hospitalar, que foi realizado pelo Dr. Paulo Zaia, Médico do Trabalho e Diretor da Associação de Gestão de Segurança e Saúde Ocupacional (AGSSO).

O momento atual e as perspectivas da Norma Regulamentadora 32 (Estabelecimentos de Saúde) do Ministério do Trabalho também foi um dos temas pautados na reunião. A apresentação dessa matéria foi feita pela Drª. Lucineia Nucci, Advogada do Sindicato dos Hospitais de São Paulo (SINDHOSP) e representante da CNS na Comissão Tripartite Permanente Nacional da NR 32.

A reunião contou ainda com uma participação ativa de todos os participantes, que tiveram na última hora do encontro empresarial, um espaço reservado para a indicação dos principais problemas que o setor de saúde vem enfrentando na observância do marco regulatório de SST. Desse debate aberto entre os representantes das empresas hospitalares e lideranças sindicais empresariais do setor saíram propostas de alteração da NR 06 (Equipamentos de Proteção Individual) e da NR 15 (Insalubridade) Anexo XIV (Agentes Biológicos) que a CNS encaminhará junto ao Ministério do Trabalho.